sexta-feira, novembro 27, 2009

Pequenos desabafos I...





Porque é completamente impossível não sorrir quando na tua simplicidade afirmas o quanto me achas bonita... A medo lá contas aquele hilariante sonho e mostro-te que a vergonha aqui não encaixa. Vais fazendo perguntas parvas, às quais dou respostas parvas e, no meio de tanta parvoíce, vamos tirando alguma verdade do que é dito... É desta forma estranha, incompreensível mas muito natural que nos vamos conhecendo e cedendo ao feitio um do outro. Dou por mim a perder muitos dos meus momentos deitada no sofá, a olhar para o tecto e a divagar... na esperança que sejas toda a realidade que aspiras! Porque eu quero que sejas essa realidade... e porque desta vez quem colou na imagem fui eu! * Boa noite!*

6 comentários:

Libelinha disse...

Hummm... Mas que desabafo, hehehe!...

Beijinhos ;P

Frutinha disse...

É caso para dizer... Aqui esta um belo desabafo!

Nelson Silva disse...

Vossa excelência não existe..., não passa de uma ilusão que o meu cérebro criou para me fazer sentir melhor comigo mesmo, para continuar a acreditar que as coisas boas ainda acontecem...e que o natal pode chegar mais cedo para uns que para outros...e mais não digo!
Beijo Sombra Colorida

Mariquita disse...

Que bonito... opah... bonito mesmo... =)

Juky disse...

Fogo! Adorei!!!!!!!

Celinha 007 =) disse...

Há que eternizar momentos de felicidade como estes... =) Há quem os mereça... Obrigado plas vossas palavras =) *