sábado, novembro 07, 2009

Meu querido mês de Outubro...

Um mês... Pois é! UM MÊS! E ainda parece que foi ontem... Se para muitos foi mais uma história para nós foi, sem dúvida, uma das top storys do ano... Enquanto nos recordarmos dela com um sorriso, ficará para sempre gravada!

Apesar de, uns dias depois, as coisas terem descambado, (é verdade!) é a primeira vez que vou tocar no assunto.

Ao mesmo tempo que me lembro de tremer completamente desorientada, lembro-me de tremer completamente perdida num erro. Ao mesmo tempo que me lembro do teu sorriso sincero e genuíno, lembro-me daqueles olhos semi-cerrados como que a não conseguirem ultrapassar o que foi dito e feito. Ao mesmo tempo que me lembro daquela conversa no Fórum, lembro-me da conversa seca junto ao Mondego. Ao mesmo tempo que nos ríamos de parvoíces sem jeito nenhum, ficámos quais desconhecidos a frequentar o mesmo espaço. Ao mesmo tempo que alteram aquele sítio, altera-se a história que nos liga.

Um tudo e nada criado numa rapidez estonteante que acabou por desabar, fruto dos fracos alicerces que utilizámos. Não é fácil ver alguém partir tão rápido quanto chegou. Mas, infelizmente, não me cabe a mim decidir tudo...

Guiados pelas mesmas estrelas, acabamos por ser diferentes nas visões que adoptamos. Não existem visões certas ou erradas... Existem visões muito próprias! Ninguém mais do que eu gostaria de as perceber, de as enquadrar no tempo e no espaço... Pelos vistos não é para já, não é no tempo mais próximo! E é isso que cria as lacunas, que vai afastando as pessoas e que vai fazendo as coisas boas se esfumarem.

Se há coisa que tento fazer é não deixar que a mágoa torne cinzenta as recordações bonitas e engraçadas que ganhei com toda aquela loucura. É uma luta estranha que me põe à prova dia após dia, quando a ti, quiçá, já se tenha completamente esfumado em vagas memórias.

É impossível não te recordar quando começa o I gotta a feeling, o When love takes over, o Broken Strings, quando falam de um certo instituto, quando falam de uma certa cidade e do seu castelo, quando falam de Sangria... Sei lá! São tantas e tão poucas coisas ao mesmo tempo... São coisas que poderão ser estúpidas para ti mas que para mim foram fruto de uma ligação muito própria! E eu gosto de lembrar as pessoas através de pequenos pormenores. Uma camisa, um sabor, um car wash, uns crepes, umas queimaduras...

Um mês não é nada e é tanto... Enquanto vagueias por umas ruas, eu vagueio por outras e agradeço-te, antes de mais, por toda a ligação que me fizeste ter a uma pessoa especial. Nunca um chão de um quarto teve tanto significado, nunca uma história mirabolante conseguiu despontar um sentido de amizade tão profundo... Se hoje a cumplicidade é superior à que existia, foi porque um dia surgiram no nosso caminho, não desistindo mesmo perante todas as adversidades. Só queria que hoje a força fosse semelhante... Não igual mas antes mais madura, mais trabalhada...


(Foi com esta que começou... é com esta que continua!)

Acabou por ser completamente o oposto!

Mas não vai ser isso que me vai marcar o dia... Não vai ser com o sentimento de tristeza que vos lembrarei... Vou ficar feliz porque aconteceu e não vou perder tempo a chorar sobre o que não quer ser mudado...

O dia 7 de Outubro de 2009 será recordado assim:

Uma noite...

Um temporal...

Poucas luzes...

2 carros...

Múltiplos intervenientes...

Uma questão de nervos que se dissipou...

Um sorriso que ficou marcado...

Uma paciência extraordinária...

Um reboque...

Uma entrega ao domicílio...

Um bom dia diferente...

Sem dúvida uma amizade que hoje é imprescindível!

E por fim: 2 pessoas... 1 história... 1 início... 1 meio...




(Porque um pequeno gesto pode mudar tudo e criar um turbilhão de emoções tão bem sincronizadas como estas... Quem sabe! * )

2 comentários:

Mariquita disse...

É isso mesmo querida "quem sabe". ;) De facto é mesmo preciso uns bons alicerces para construir uma relação! É como uma casa... Se forem fracos ao primeiro abanão, á primeira chuvada.... vai tudo abaixo! Força linda! Ainda bem que estás a ver e a recordar pelo lado positivo *

Grande beijo*

Anónimo disse...

Bem que eu heid dizer cecilia,que historia, que mês, que amizade que ficou e k 4pessoas que se conheceram...Nnca te dixe adeus pk sabia k ias voltar, acredita és a amiga que quero olhar para traz nakele dia especial(akele k a catia vai cantar no corro,loloololo) e vert lá.Quero chorar muito cntg, brincar, rir,aparvalhar,etc..

Tu és como este video dos black, colocas todos os que te rodeiam a delirar e a aproveitar a vida com um sorriso no rosto.(ao inicio parace estranho mas com o tempo habituamonos)

Que akela noite de 7 de outubro de 2009 não morra no esquecimento de quem nos acompanhou, obrigado a quem nos ajudou e colocou o dia com este significado tão especial..

Adorot miuda*****terça lá te espero pra ir a casa do capuchinho vermelho....ehehhehehhe

beiju´---------Dafi--------