terça-feira, agosto 26, 2008

Obtendo respostas através de uma voz "calada"....


A diversidade, longe de conduzir necessariamente a divisões ou rivalidades, traz consigo a promessa d enriquecimento mútuo e de alegria.Sem vida interior não poderíamos permanecer firmes nas nossas decisões.


O Evangelho convida-nos a dar o primeiro passo em direcção ao outro, sem termos antecipadamente a garantia de reciprocidade.



Em algumas situações, em particular quando há rupturas nos afectos, a reconciliação pode parecer inalcançável. Recordemos então que o desejo de reconciliação já é o seu começo. Cristo toma sobre si próprio o que pensamos não ter saída, e nós podemos confiar-lhe o que precisa ser curado.


A reconciliação pode transformar em profundidade qualquer um de nós. Não desanimemos perante a complexidade dos problemas! Não esqueçamos que podemos começar com pouco.


Saberemos escutar o outro em situações de conflito? Muitas separações seriam então menos dolorosas. Esforcemo-nos por nos colocar no lugar do outro.


Seremos capazes de chegar ao ponto de perdoar? Não se trata de esquecer um passado doloroso, nem de sermos cegos face a situações actuais de injustiça. Mas o Evangelho chama-nos a ultrapassar a memória das feridas pelo perdão e mesmo a ir para além da nossa espera de um gesto de resposta. Encontraremos assim a liberdade.


Em todos nós há o desejo de um futuro feliz. Mas podemos ter a impressão de ser condicionamos por muitos limites e por vezes ser surpreendidos pelo desânimo. No entanto, Deus está sempre presente no nosso caminho.


A sua presença torna-se perceptível quando assumimos as situações da nossa vida tal como elas são, de forma a criar a partir do que existe. Ninguém gostaria de se atolar em sonhos de uma vida idealizada. Aceitemos aquilo que somos e também o que não somos.
Procurar um futuro feliz implica fazer escolhas.



Jovem, podes ter medo e ser tentado a não escolher para guardar todas as possibilidades em aberto. Mas como poderás realizar-te se permaneceres na encruzilhada?
Aceita que haja em ti uma espera não realizada e mesmo questões que não estão resolvidas. Confia-te com um coração transparente. Há sempre pessoas que te podem escutar. Ser escutado, desta forma, ao longo do tempo, há-de ajudar-te a discernir como te podes entregar totalmente.


Crescerá então o desejo de fazer juntos tudo o que pode ser feito. O que nos une é mais importante do que aquilo que nos separa: deixemos transparecer esta realidade para a nossa vida!

by Carta de Cochabamba*

5 comentários:

JR. Neto { ziin } disse...

Grandes idéias para uma Linda garota, concerteza :)

perfeito seu blog moça! :*

lotto numbers disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
lottery gambling disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Cátia disse...

iniciei a leitura varias vezes e sesistia ao fim d umas linhas..so a pouco consegui ler ate ao fim...sao demasiadas verdades para absorver d uma vez so...

:P

ontem ja trocamos algumas das palavras k tinham k ser trocadas e eu percebi a msg


bjinh

Sandra Pinheiro disse...

olá minha linda! Vejo qe sentiste a vibração, a serenidade e mais alguns sentimentos indescritiveis qe Taizé nos faz sentir! Já la vão 3 anos qe estive na comunidade mas aindo relembro essa semana como se fosse hoje.
Não palavras pa dixer o qe é Taizé! só sei qe vale a pena! Todos deviam experimentar!
bjinhus minha linda*saudades*